Artes Juventude Louvor e Adoração Ministério Infantil Missões Pastoral Tecnologia

Planejando reuniões que movem a igreja pra frente

cliente-gimp
Rodrigo Soeiro
Escrito por Rodrigo Soeiro

As reuniões nem sempre são as coisas mais emocionantes do mundo. Algumas delas são desnecessárias e nada edificantes. No entanto, reuniões devem ser importantes e sempre úteis. A verdade é que uma igreja só pode avançar se suas pessoas estiverem avançando. Quando você estiver na condução de uma reunião, a intenção deve ser de levar as pessoas para seguir em frente.

Aqui estão alguns pensamentos que irão ajudá-lo quando se trata de preparar e executar sua próxima reunião.

1. Ter um objetivo.

Qual é o objetivo de ter a reunião? É para comunicar informações? É fazer coisas, ou pensar em uma estratégia? Não se esqueça que como líderes, nosso objetivo é desenvolver pessoas. É desse tipo de abordagem quem nossas reuniões precisam estar “recheadas”.

Dentro de nossas reuniões, concentre-se em:

Motivar pessoas – as pessoas precisam ser motivadas a sair e agir;

Equipar pessoas – as pessoas precisam saber como elas podem fazer seu trabalho melhor;

Acompanhar pessoas – as pessoas precisam ser ajudadas por você indo ao lado delas.

2. Por que, quem e quando?

Faça estas três perguntas:

i) Por que essa reunião ajudaria?

A realidade é, há muitas reuniões que acontecem que realmente não precisam acontecer. Quando você desejar realizar uma reunião, saiba o motivo pelo qual você está tendo uma reunião em primeiro lugar, em vez de simplesmente ter que realizá-la porque está configurada como um evento recorrente em seu calendário.

ii) Quem precisa estar nesta reunião?

Tenha cuidado para não chamar as pessoas erradas na sala e deixar as pessoas certas fora da sala. Mesmo que você não espere que alguém contribua diretamente, não subestime o valor de certos membros da equipe ouvindo o coração por trás das decisões para que possam começar a reproduzir sua cultura.

iii) Quando a reunião é mais efetiva?

Dê uma olhada no calendário da sua igreja para ver o que está acontecendo e decida quando seria melhor ter uma reunião. Se você está trabalhando com voluntários, seja intencional sobre escolher um horário que corresponda aos seus horários.

3. Se você falha no preparo da reunião, você está se preparando para falhar.

Às vezes, as reuniões continuam para sempre porque a pessoa que lidera a reunião não tem ideia do real propósito da reunião! Tenha um cronograma quando você entrar em uma reunião – talvez até mesmo enviá-lo antecipadamente para que os participantes venham preparados e pesquisados. Inclua aspectos como uma revisão da semana passada, seus principais focos na próxima semana e dê atenção aos obstáculos que as pessoas estão enfrentando.

A pressão para uma boa reunião não deve ser apenas sobre a pessoa responsável que preside a reunião, mas em todos os participantes. Pense sobre o que o líder precisa saber sobre o que tem acontecido e o que está acontecendo. O que é importante para eles agora? Que dados e conhecimentos lhes seriam úteis?

As boas reuniões requerem muita preparação e, finalmente, como sabemos, uma boa preparação evita o mau desempenho.

Texto: Leadership Network

Adaptação para o português: Rodrigo Soeiro

No amor de Cristo Jesus,

Pr. Soeiro

Assine a nossa Newsletter

Assine a nossa Newsletter

Receba o melhor conteúdo do nosso blog direto no seu e-mail. Notícias, novidades e muita informação para você crescer em conteúdo e na fé. 

Basta você colocar o seu e-mail aqui embaixo e uma confirmação chegará para você. Deus Abençoe!

Sua assinatura foi registrada!

Sobre o Autor

Rodrigo Soeiro

Rodrigo Soeiro

Rodrigo Soeiro nasceu em 03 de fevereiro de 1.985 em São Paulo. É esposo da Tatiane e pai do Davi e do Lorenzo. Além de cantor, músico, compositor, arranjador, ele também é pastor da Igreja Assembleia de Deus Alto do Ipiranga, conhecida como ADAI.

Nenhum comentário até o momento.

  • Olá, visitante