Artes Louvor e Adoração

Eventos especiais: como mobilizar toda a equipe artística e ensaiar de maneira eficaz?

14
ADAI Comunicação
Escrito por ADAI Comunicação

Conferência Flores 2017… Foi um fim de semana muito significativo para todas as mulheres da nossa igreja e para a ADAI como um todo. Ainda estamos impactados com tudo o que vivemos nesses dias. Tem sido muito especial contribuir junto aos nossos pastores Rodrigo e Tati Soeiro, como parte da equipe artística em conferências como esta, onde há significativo esforço e compromisso pela expansão do Reino de Deus em todas as esferas da sociedade.

(Se você não sabe do que estou falando, você pode assistir alguns ‘highlights’ aqui https://www.facebook.com/ADAIMulheres/videos/1599974130013649/ )
Essa é uma das maiores conferências que fazemos ao longo do ano, em termos de elementos criativos envolvendo toda equipe artística (música, teatro, dança, som, iluminação e multimídia). A criação e preparação de cada elemento contempla muitos ensaios… Em média soma de 300 homens-horas em preparação e ensaios! Então, como líder e responsável pela parte musical nas últimas conferências, quero compartilhar algumas dicas práticas de como ensaiamos para grandes eventos na ADAI!

Sou um defensor da idéia de que uma excelente apresentação é fruto também de um excelente ensaio! É no ensaio onde ocorre todo o trabalho duro de preparação. Onde toda parte criativa deve se unir para poder enxergar a apresentação como um todo. Meu foco aqui será passar alguns pensamentos do ponto de vista da parte musical (criação de repertório, ensaios de banda e cantores e por fim integração da música à toda equipe artística). Sendo assim, comentaremos 3 itens que devem existir na preparação/execução dos ensaios:

1 – Ensaios precisam ser planejados (datas, time, repertório e escala); Entendemos que o planejamento é a base de tudo o que fazemos, então, nesta fase montamos planilhas, conversamos muito com a equipe criativa, discutimos um pouco (rs), enfim, procuramos ao máximo alinhar todos os pontos e frentes que serão ensaiadas. Nesse momento é primordial:

  • Iniciar o planejamento com, no mínimo, 3 meses de antecedência;
  • Fechar a escolha do repertório musical e compra dos Multitracks(multitracks.com.br), ou até como fizemos nesse evento, compor e produzir as músicas do evento (no nosso caso, fizemos isso com a música tema da conferência);
  • Discutir junto à equipe de criação ou liderança do evento quais serão as transições existentes na liturgia dos cultos;
  • Escolher, convidar e verificar disponibilidade dos integrantes dos times (músicos/cantores);
  • É o momento de montar os grupos de WhatsApp necessários;
  • Planejar quantidade de ensaios, agendar as datas em estúdio;
  • Discutir junto à equipe de som e iluminação o mapa de palco;
  • Planilhar tudo e enviar a todos os times para estudo das músicas e escala de músicos e/ou cantores.
  • Usar ferramentas que auxiliem a confecção de planilhas em conjunto. Para isso usamos o app QUIP (quip.com). Fantástica a produtividade que ganhamos ao utilizar esse software free que pode ser utilizado em site ou aplicativo no seu computador/celular/tablet. Ainda escreverei um post sobre como utilizamos esse software (rs) 😄

Seguem abaixo alguns exemplos de planilhas utilizadas para organização musical da Conferência Flores 2017 e o nosso mapa de palco:

1

13

2

16

 

Veja tambémhttp://adai.blog.br/4-apps-uteis-para-qualquer-equipe-de-louvor/

2- Ensaios Individuais e Gerais (banda, vocais, dança, som, iluminação e multimídia); Fazer ensaios inicialmente separados exige um esforço e dedicação de tempo maior, porém temos tido grandes resultados fazendo essa separação inicial, e deixando para o fim os ensaios gerais. Sobre os ensaios gerais, eles precisam envolver todos e todos precisam dar o máximo do seu esforço! Muitas vezes as apresentações que não dão certo são aquelas em que não cobrimos todos os aspectos na íntegra dentro de um ensaio. Por isso no ensaio geral tentamos cobrir basicamente os itens abaixo:

  • Vocais de frente para a congregação (e não para a banda) e de pé na posição correta;
  • Fazer transições com as mídias/vídeos produzidos para o evento;
  • Ensaio das transições com o todo, para que nada fique desajeitado no ‘ao vivo’;
  • Alterações de posicionamento de equipamento e pessoas junto à equipe de iluminação (por exemplo: como todos os envolvidos estarão no ensaio geral, é possível enxergar se alguém está bloqueando iluminação, vídeo, etc.);
  • Ensaio junto a equipe de vídeo/stream para escolher melhores pontos de câmeras e movimentação;
  • Todo o elenco no palco nos momentos necessários.

 

17

FSF

DGS

5

6

 

3-Organização do Ensaio: A verdade óbvia é que ensaios organizados são os ensaios mais produtivos. Sejam ensaios com a banda em separado, cantores em separado ou todos juntos, ter um tempo adequado é tudo!

  • Cronograma de ensaio → É muito importante que ninguém esteja muito apressado para fazer tudo, mas mais importante é ter um ensaio organizado e coeso onde as pessoas não sintam que perderam seu tempo. Qualquer coisa que não foi acertada anteriormente ao ensaio pode fazer com que percamos 30 minutos facilmente, por isso o cronograma de repertório/tempo deve existir. Liste um plano de quanto tempo deve gastar para o ensaio de cada música.
  • O ensaio deve ser quase “uma passagem” → Na ADAI, os times de adoração tem criado uma cultura de que os ensaios devem ser uma “passagem”. Isso quer dizer que ensaio não é o momento de tirar as músicas e de ir com dúvidas primárias. Para que o ensaio possa render, é necessário haver um preparo, por isso a sessão de planejamento existe, para que as pessoas envolvidas tenham um tempo adequado para estudo do repertório antes dos ensaios.
  • Integração com equipe artística em ensaios gerais deve existir→Em ensaios gerais o time musical deve estar pronto para fazer todas as passagens necessárias não somente pro time de cantores mas também para todos os ministérios artisticos que dependem do time também. Por exemplo: A equipe de dança pode precisar que façamos mais de uma passagem de alguma música ou repassar algum ponto, a equipe de multimidia pode querer repassar alguma transição, enfim, o time musical deve estar sempre disponível pra servir de suporte aos ministérios envolvidos no evento.
  • Pontualidade e Frequência → A pontualidade deve ser um dos valores dos times e a presença de todos envolvidos é essencial.Ensaiar de maneira eficaz para grandes eventos e conferências é um trabalho árduo! Leva tempo, preparação, voluntariado, serviço, muito esforço e muita ajuda do nosso Deus! Mas quando todos se unem na expectativa de ajudar pessoas a conhecerem a Jesus de maneiras criativas sabemos e enxergamos que todo o trabalho valeu a pena.
Ensaiar de maneira eficaz para grandes eventos e conferências é um trabalho árduo! Leva tempo, preparação, voluntariado, serviço, muito esforço e muita ajuda do nosso Deus! Mas quando todos se unem na expectativa de ajudar pessoas a conhecerem a Jesus de maneiras criativas sabemos e enxergamos que todo o trabalho valeu a pena.

Deus abençoe

(Se desejar assistir a apresentação completa confira nesse link -> https://www.youtube.com/watch?v=W2PIcHQV3Vg )

Texto produzido por Bruno Minozzi.

Fotos: @adaiphoto

7

8

9

10

11

Assine a nossa Newsletter

Assine a nossa Newsletter

Receba o melhor conteúdo do nosso blog direto no seu e-mail. Notícias, novidades e muita informação para você crescer em conteúdo e na fé. 

Basta você colocar o seu e-mail aqui embaixo e uma confirmação chegará para você. Deus Abençoe!

Sua assinatura foi registrada!

Sobre o Autor

ADAI Comunicação

ADAI Comunicação

Um comentário

  • Olá, visitante